NOTÍCIAS

​Últimas Publicações
Please reload

Socialize
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle

SEGURANÇA PESA NA HORA DE COMPRAR IMÓVEIS

De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), houve uma queda de 39,3% nos índices de roubo em residências em Goiás em fevereiro deste ano, se comparado com o mesmo período do ano passado

 

A decisão na hora de comprar uma moradia está relacionada, em geral, a localização do imóvel, questão financeira e a qualidade de vida. No entanto, de acordo com uma pesquisa realizada por uma imobiliária de Goiânia, 90% das pessoas avaliam que a segurança é o item que mais pesa.

De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), houve uma queda de 39,3% nos índices de roubo em residências em Goiás em fevereiro deste ano, se comparado com o mesmo período do ano passado. Já na capital, a diminuição foi de 35,88%, no mesmo período avaliado. No entanto, apesar da queda, a sensação de insegurança ainda preocupa a população e isso reflete diretamente no mercado imobiliário.

Especialista em segurança privada e diretor-presidente do Grupo TecnoSeg, Ivan Hermano Filho explica que houve um aumento “explosivo” na procura por itens de segurança residenciais. Segundo ele, há 20 anos era necessário convencer a população da necessidade de segurança, mas, hoje, essa é a primeira necessidade em qualquer classe social.

“Houve um aumento explosivo nas vendas. As classes A e B sempre foram compradoras, mas, agora, além delas, temos as classes C e D que também buscam segurança e proteção. Temos um universo muito grande de produtos, desde itens baratos até itens caros e sofisticados, que atendem muitos públicos. Percebemos que o aumento da procura está ligado ao aumento da violência e à quantidade de crimes”, explica o especialista.

Guilherme Pinheiro de Lima, diretor da GPL Incorporadora, concorda que todos estão mobilizados em relação à segurança.“Em matéria de segurança, o que acontece é que vemos que não só no empreendimento de alto padrão. Temos empreendimentos na classe econômica, médio padrão, altíssimo padrão, e a gente sente que [segurança] é uma questão de todas as classes”, revela o diretor.

Medidas de segurança

A incorporadora, que tem um empreendimento de alto padrão na capital, diz que fez um grande investimento em segurança e promete valorizar ainda mais a região do Setor Marista. Segundo Guilherme, o empreendimento reflete a tendência da valorização de itens sofisticados de segurança.

“Vislumbramos no Parque Arquitetônico uma tecnologia de ponta na área da segurança. Buscamos trazer o que tem de mais bacana em segurança. Fizemos as primeiras guaritas blindadas, vidro resistente à bala. São três prédios independentes mas com três guaritas que se comunicam entre si, em sincronia”, conta.

Responsável por projetos de segurança em imóveis residenciais e complexos comerciais, Ivan participou do desenvolvimento do complexo. Ele explica que se trata de um projeto de proteção que envolve todo o quarteirão, já que câmeras e rastreadores são capazes de identificar o morador antes mesmo de ele chegar ao complexo.

“O que foi pensado é que o morador se sentisse seguro antes mesmo de cruzar o portão, porque, quem mora em prédio sempre medo da hora de chegar e sair do prédio e ter algum bandido, alguém que possa ameaçar, então, no parque, temos, no topo de cada prédio, câmeras dom, espalhada pela cidade. Elas se movimentam, tem um zoom poderoso, e com essa câmera no topo, tem visão grande da quadra próxima”, explica.

O especialista conta que, além disso, o morador tem opção de conectar o veículo na segurança do parque, por meio de um rastreador. “Se ele [proprietário] chegar mais tarde, o sistema identifica automaticamente em qual rua ele está vindo e as câmeras apontam para ela e o segurança fica observando, podendo alerta-lo de qualquer coisa”, completa Ivan.

 

Fonte:

Obra24horas

Redação:

Inteligência Setorial Sebrae

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2020 Todos os direitos reservados a FIEG
Assessoria: Agência Saber Multimídia (62) 98186-3552

Apoio Institucional: